António Pinheiro

Freelancer em Serviços de Marketing para Empresas e Instituições. Músico. contacto@antonio-pinheiro.net

A noite passada

Setembro 23rd, 2012

Deste-me a noite
Embrulhada em sorrisos
Ornada olhares mágicos que me penetram
Mergulhando doces carícias em mais um copo

Deste-me a noite
Entre suor e seiva
Entre o bar, a pista e o quarto

Deste-me a noite
Porque a noite é tua

Deste-me a noite
Porque há noite somos maiores
Voamos sem asas
Vivemos sem respirar

Dei-te todas as noites
Dar-te-ei todas as noites
Mesmo aquelas que são mais noites
Pela distância e pela ausência